Crianças em situação de extrema pobreza terão benefício de renda mínima em PEC paralela da Previdência

Toda criança deve ter uma rende mínima para sobreviver.Com foco nesse objetivo, o relator da reforma da Previdência e da PEC paralela, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) propôs um uma ajuda financeira infantil, semelhante ao Bolsa Família.O benefício contempla todas as crianças, com atenção especial àquelas em situação de extrema pobreza, que, segundo o parlamentar, não têm nenhum tipo de assistência.Chamado de Benefício Universal Infantil, o repasse não deve impactar o orçamento e não será concedido às famílias que já recebem ajuda por meio de outros programas relacionados a filhos menores.Também não será obrigatório pela PEC, que vai oferecer diretrizes para a concessão.
Rádio 2

Links

Radio Nordeste Evangélica 2015 - Todos os direitos reservados